Atividades Físicas e Diabetes: Cuidados e Benefícios

Atividades Físicas e Diabetes: Cuidados e Benefícios

A adoção e manutenção de atividades físicas é um diferencial crítico para o controle glicêmico, principalmente para pessoas com diabetes.

Como em todas as atividades físicas, são necessárias precauções e cuidados, levando em conta as características individuais e o estado de saúde da pessoa com diabetes.

Neste artigo iremos mostrar os cuidados e benefícios das atividades físicas para quem tem diabetes.

Mulher utilizando caneta de insulina durante atividade física por conta do diabetes
Imagem de Christel Oerum por Pixabay

As atividades físicas incluem todos os movimentos que aumentam o uso de energia.

Ser mais ativo é tornar o corpo mais sensível à insulina, ajudando a controlar o diabetes e reduzir o risco de doenças cardíacas e danos aos nervos.

Cuidados e recomendações antes das atividades físicas

Diabético sedentário, com sobrepeso ou obeso

Esse grupo de pessoas devem se tornar ativas com práticas de exercícios simples e leves, para após iniciar uma prática constante e gradual.

Alongamentos a cada 30-40 minutos durante o repouso ou atividades com baixo gasto energético (como assistir TV, utilizar computador etc).

Após o aumento da flexibilidade devem iniciar exercícios de adaptação, caminhadas leves de 5 a 10 minutos já trazem benefícios no controle glicêmico.

Exercício Aeróbico

A atividade aeróbica aumenta a função pulmonar, imunológica e a sensibilidade à insulina.

Quantidade moderada de exercício aeróbico estão relacionados a menores riscos de doenças cardiovasculares em diabéticos.

Exercícios aeróbicos diminuem as chances de morbidade e mortalidade pelo diabetes.

Exercício de resistência

O diabetes é um fator que baixa a força muscular com declínio acelerado.

Os treinos de resistência desenvolvem a massa muscular e a composição corporal, obtendo ganhos de força, densidade óssea e minimizando o risco de hipoglicemia.

Eles também aumentam a sensibilidade a insulina.

Exercícios de flexibilidade

São tão importantes quanto os demais, principalmente em diabéticos com idade avançada.

A mobilidade das articulações passa a ser limitada, o que resulta em parte da glicação, principal causa de doenças clínicas vasculares em pacientes diabéticos e esse processo é acelerado pela hiperglicemia.

O alongamento aumenta a amplitude de movimento e a flexibilidade, mas não afeta o controle glicêmico. Devendo ser praticado com outra atividade.

Atividades físicas e diabetes Tipo 2

Tanto o treinamento aeróbio quanto de resistência promovem adaptações no músculo esquelético, tecido adiposo e fígado associadas à ação intensificada da insulina.

O exercício aeróbio aumenta a captação de glicose muscular em até cinco vezes por meio de mecanismos independentes de insulina.

A ação da insulina no músculo e no fígado pode ser modificada por sessões de atividades físicas regulares.

Alguma recomendações:

  • O exercício diário, ou no máximo com 2 dias entre as sessões, é recomendado para aumentar a ação da insulina;
  • Os adultos com diabetes tipo 2 devem realizar exercícios aeróbicos e de resistência para obter resultados glicêmicos e de saúde ideais;
  • Crianças e adolescentes com diabetes tipo 2 devem ser incentivados a cumprir as mesmas metas de atividade física estabelecidas para os jovens em geral;
  • Intervenções estruturadas no estilo de vida, pelo menos 150 minutos por semana de atividade física e mudanças na dieta, resultando em perda de peso de 5% a 7%, são recomendadas para prevenir ou retardar o início do diabetes tipo 2;

Atividades físicas e diabetes Tipo 1

O exercício físico é recomendado a todos, mas de maneira personalizada para cada paciente.

Jovens e adultos com diabetes tipo 1 podem se beneficiar por serem fisicamente ativos, mas as respostas da glicose no sangue à atividade física no diabetes tipo 1 tem muita variação por conta do tipo e tempo de atividade.

Algumas recomendações:

  • Faça verificação frequente da glicose para implementar estratégias de ingestão adicional de carboidratos e ajuste da dose de insulina;
  • Os usuários de insulina podem se exercitar usando regimes de injeção em bolus basal ou bombas de insulina, mas há vantagens e desvantagens em ambos os métodos de administração – verifique a melhor opção com o seu médico;
  • O monitoramento contínuo da glicose durante a atividade física pode ser usado para detectar a hipoglicemia quando usado como um adjunto;

Lembramos que a atividade física diminui o estresse, o que ajuda a controlar a glicemia. Leia mais sobre estresse e controle da glicemia nesse artigo.

Atividades físicas e diabetes na gravidez

Exercícios físicos durante a gravidez beneficiam a maioria das mulheres.

Melhoram a saúde cardiovascular e a aptidão geral, ao mesmo tempo que reduzem o risco de complicações como pré-eclâmpsia.

A atividade física regular durante a gravidez também reduz o risco de desenvolver diabetes mellitus gestacional.

Ser ativo é o melhor para você

Além dos benefícios apresentados, a prática de atividades físicas ainda:

  • Mantém um peso saudável e auxilia na perca de peso quando necessário;
  • Melhora o sono, memória e controla a pressão arterial;
  • Reduz e ajuda a controlar o colesterol;

O ideal é optar por atividades físicas que trabalhem os principais grupos musculares (pernas, quadris, costas, abdômen, tórax, ombros e braços).

Alguns exemplos são:

  • Musculação;
  • Caminhada;
  • Natação;
  • Corrida;
  • Dança;
  • Esportes como futebol, vôlei, basquete, handball etc.

Essas atividades trabalham músculos grandes, aumentam a frequência cardíaca e a dificuldade de respirar, o que aumenta o condicionamento físico.

Dicas especiais para diabéticos

Antes de iniciar qualquer atividade física consulte seu médico e verifique qual a melhor para você.

Beba muito líquido para evitar desidratação e verifique suas taxas, antes e após cada atividade física.

Sempre observe se você se cortou, teve alguma irritação na pele ou criou alguma bolha, principalmente nos pés. Utilizar meias de algodão, tênis confortáveis e bem ajustados são a melhor forma de evitar essas situações desagradáveis.

Quer saber todas as novidades sobre diabetes? Entre para o nosso grupo de notícias.

Compartilhe:
0
20
Pin Share20

Posts Relacionados

1 Comentário

  • Retinopatia Diabética: Causas, sintomas e prevenção – iGlicho

    30 de setembro de 2021

    […] Gerencie seu diabetes: faça da alimentação saudável e da atividade física parte de sua rotina diária, nesse artigo você vai saber melhor sobre a relação dos exercícios e o diabetes; […]

Fazer comentário

Recent Posts